in ,

Contra histórico de fracassos, CBF tenta emplacar nova Supercopa

Depois de quase 30 anos sem aparecer no calendário, a Supercopa do Brasil voltou ao cenário do futebol brasileiro. Neste domingo (16), Flamengo e Athletico-PR decidem o título em jogo único, às 11h, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

Loading...

A competição que põe frente a frente o campeão do Brasileiro e o da Copa do Brasil foi resgatada pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol), que busca dar ares de grandiosidade ao evento principalmente por meio da premiação atraente para o torneio de uma partida só (R$ 5 milhões para o vencedor e R$ 2 milhões para o vice).

O valor do prêmio e a oportunidade de levantar uma taça logo no início da temporada motivam athleticanos e flamenguistas a entrarem com força máxima para o confronto.

No princípio, o evento foi concebido para abrir a temporada no dia 16 de janeiro deste ano, ainda antes do início dos estaduais. Não havia sido considerada pela confederação, porém, a ida do Flamengo ao Mundial de Clubes, disputado até 21 de dezembro. O respeito ao período de férias do time rubro-negro forçou o adiamento da competição.

“A Supercopa é uma aposta da CBF. Em termos de portfólio de competições, era o que faltava”, diz à Folha o diretor de competições da confederação, Manoel Flores. “O jogo único foi uma escolha técnica, dá um caráter neutro à disputa e para o calendário é mais viável. Comercialmente também é mais interessante.”

A ideia da CBF é rodar as sedes pelo Brasil nas próximas edições. Para o duelo em Brasília, 40 mil ingressos foram vendidos até esta sexta-feira (14), dos 71 mil disponibilizados para venda.

O Flamengo jogou três vezes no Mané Garrincha pelo Brasileiro do ano passado (Vasco, CSA e Avaí), com média de 50.200 torcedores por partida. No clássico com os vascaínos, que recebeu 65.418 pagantes, o ingresso mais barato era o da arquibancada superior, a R$ 65 (meia-entrada).

A mesma arquibancada é vendida a R$ 100 (meia) para a Supercopa, que tem ingressos de até R$ 600 para camarotes. Um desses camarotes, inclusive, receberá um pocket show da dupla sertaneja Maiara e Maraísa e custará R$ 500, sem opção de meia-entrada.

A Supercopa terá transmissão da Globo e do SporTV. A geração de imagens, porém, será da própria CBF, com 17 câmeras no Mané Garrincha. O Canal 11, de Portugal, também adquiriu os direitos para o país.

A tentativa de fazer com que a Supercopa enfim tenha sucesso no Brasil contrasta o fracasso das duas únicas edições do torneio realizadas até hoje.

A primeiras delas, em 1990, correu o risco de não acontecer em razão da falta de datas livres para o evento. Inicialmente, o duelo entre Vasco (campeão brasileiro de 1989) e Grêmio (campeão da Copa do Brasil de 1989) estava previsto para o mês de janeiro.

“Só sabemos que não será mais possível jogar com o Vasco no dia 28 deste mês [janeiro].

 » Read More

Report

Loading...

What do you think?

Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Loading…

0
christian-lacroix:-“cuando-me-retire-fue-un-alivio.-llevaba-tiempo-queriendo-escapar-de-la-moda”

Christian Lacroix: “Cuando me retiré fue un alivio. Llevaba tiempo queriendo escapar de la moda”

Cloud Telephony Solutions for Educational Institutions