Uma linha telefônica para denúncias anônimas sobre violações das regras. Aprovação prévia requerida para visitas a campos de golfe. Protocolos sobre como desinfetar devidamente uma bola de basquete. O tênis de mesa é permitido, mas só partidas de simples, não de duplas.

Na noite de terça-feira (16), a NBA detalhou seu complicado plano para a retomada dos jogos da liga, no terceiro trimestre, enviando aos times um manual com 113 páginas de regras, e ênfase pesada em protocolos de saúde e segurança, como parte dos esforços da organização para salvar sua temporada em meio à pandemia do coronavírus.

A temporada, que foi suspensa em março, deve ser retomada no dia 30 de julho no ESPN Wide World of Sports Complex —parte do Walt Disney World—, perto de Orlando, Flórida, onde os jogadores e o pessoal dos times estarão sujeitos a exames de saúde rigorosos e ficarão em geral isolados do resto do mundo, ao longo dos playoffs.

No entanto, a tentativa de retorno da NBA é ambiciosa e está exposta a potenciais riscos. A Flórida, que esteve entre os primeiros estados a relaxar as regras de distanciamento social, ressurgiu como foco do coronavírus.

Na quarta-feira (17), o estado reportou 2.783 casos novos, um recorde, e a média de contágios continua a crescer, nos mais recentes períodos de sete dias, de acordo com o banco de dados de rastreamento do coronavírus do The New York Times. O condado de Orange, que abriga o Disney World, também registrou uma alta recente no número de casos.

O manual da NBA, uma cópia do qual foi obtida pelo The New York Times, é abrangente, e detalha as seis fases da retomada dos jogos, a primeira das quais já está em curso: treinos voluntários à medida que os jogadores retornam aos centros de preparação de seus times.

A partir de 7 de julho, os times devem começar a chegar ao Disney World, “em escala alternada”, de acordo com o manual. Quando chegarem, os jogadores e funcionários dos times devem ficar de quarentena até que sejam examinados duas vezes em busca do coronavírus, a intervalos de pelo menos 24 horas, e com resultados negativos.

Jogadores, funcionários e quaisquer outras pessoas que estejam dentro da chamada “bolha” serão examinados a cada dia.

Depois disso, os times começarão suas atividades em grupo —quase como uma preparação de pré-temporada.

O elaborado ecossistema da NBA no Disney World também envolverá seis escalões diferentes de pessoal, começando pelo escalão 1: jogadores, comissões técnicas, funcionários encarregados de equipamentos e árbitros. Essas pessoas terão acesso às áreas mais restritas do complexo, incluindo vestiários, quadras de treino e jogo, salas de musculação e salas de repouso dos jogadores.

O escalão 2 incluirá os seguranças dos times, os dirigentes, o pessoal de comunicações das equipes, profissionais selecionados de mídia, convidados dos jogadores (quando estes começarem a ser admitidos) e até mesmo alguns barbeiros e manicures,

 » Read More

close

Log In

Or with username:

Forgot password?

Don't have an account? Register

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Login