Recomeça, nesta quarta-feira (22), o Campeonato Paulista. Já com um clássico entre Corinthians e Palmeiras, a disputa pelo título estadual de futebol terá reinício na semana em que o Brasil atingiu a marca de 80 mil mortos pelo novo coronavírus.

Só no estado de São Paulo, haviam sido contabilizados até a última segunda (20) 416.434 casos de infecção pelo Sars-CoV-2, com 19.788 mortes. A semana passada teve uma alta nos registros após três semanas de queda, o que não alterou os planos de retomada do futebol.

Sem público nas arquibancadas, quatro partidas marcam o recomeço da disputa, interrompida em março por causa da pandemia. O grande jogo da rodada é o dérbi, marcado para as 21h30 (de Brasília), no estádio de Itaquera, com transmissão da TV Globo.

Com o placar histórico do clássico empatado, 127 vitórias para cada lado, o Corinthians precisa passar à frente para manter alguma chance de classificação às quartas de final. E, mesmo assim, a situação continuará bem complicada.

Neste momento, a dois compromissos do término da primeira fase, o time do Parque São Jorge tem 11 pontos e está na terceira colocação do Grupo D. O Red Bull Bragantino, com 17 e três vitórias a mais, já está fora do alcance. A chance alvinegra é alcançar o Guarani, que soma 16 pontos.

Na briga pela segunda vaga da chave nos mata-matas, o Corinthians, atual tricampeão, tem de derrotar Palmeiras e Oeste. Mesmo assim, só avançará caso o Guarani perca seus dois jogos, contra Botafogo e São Paulo, ou some apenas um ponto e seja superado no saldo de gols.

O problema é que vencer tem sido coisa rara para a equipe de Tiago Nunes, que levou a melhor apenas duas vezes em dez partidas disputadas no Paulista.

A expectativa do treinador é que a paralisação de mais de quatro meses da competição tenha mudado o cenário. Será um dérbi atípico, o primeiro da história sem torcedores no campo, após uma longa interrupção.

O projeto “O Timão é a Sua Casa” levará à arena fotos personalizadas de torcedores que ficarão em exposição num bandeirão ou em totens personalizados distribuídos nas cadeiras do estádio. O goleiro Cássio, por exemplo, comprou totens que destinou para os seus dois filhos: Felipe, 5, e Maria Luiza, 2.

“Não vamos voltar 100% no primeiro jogo, mas o Palmeiras também não vai estar no seu melhor. Então, não tem muleta. Os dois times tiveram um tempo parecido, e nós precisamos muito da vitória”, afirmou o meio-campista Ramiro.

Na volta, Tiago Nunes não poderá contar com o zagueiro Pedro Henrique e com o atacante Yony González, que estavam nos planos para a equipe titular e deixaram o clube. Também não terá o reforço do centroavante Jô, que não teve sua situação regularizada.

Há ainda problemas com aqueles que estarão no gramado de Itaquera. A pandemia agravou a crise financeira do Corinthians,

 » Read More

No Comments
Comments to: Corinthians e Palmeiras fazem dérbi atípico e decisivo na pandemia

Trending Stories

Scope of Fashion Industry Fashion has consistently been recognised to push the limits. With new ideas and trends, fashion has a focus on the future. The fashion industry will see enormous innovation in the upcoming years as modern technology, and changing customer demands and trends will transform the industry. With such stimulation and competition, the […]
close

Log In

Or with username:

Forgot password?

Don't have an account? Register

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Login