São Paulo

Shakira e Jennifer Lopez são a atração principal do intervalo do Super Bowl, partida final da NFL (liga americana da modalidade). Neste ano, San Francisco 49ers e Kansas City Chiefs tentam seu primeiro título no milênio em jogo disputado no Hard Rock Stadium, em Miami, neste domingo (2), às 20h (horário de Brasília).

A apresentação das duas artistas, que deve durar menos de 15 minutos, tem sido comentada a exaustão nas redes sociais. A NFL, inclusive, já anunciou que, logo após o fim do evento, será possível ver e escutar o show do intervalo através do álbum visual “Super Bowl LIV Live”, que estará disponível em serviços digitais como Apple Music, Spotify, Tidal e YouTube.

“Este álbum visual e de áudio é o primeiro de seu tipo e permitirá que os fãs experimentem a grandeza da performance dos artistas no domingo do Super Bowl na ponta dos dedos e em várias plataformas, a qualquer momento que desejarem. Estamos felizes em continuar da maneira que melhoramos a experiência dos fãs da NFL em todos os lugares”, anunciou Brian Rolapp, diretor de mídia e negócios da Liga Nacional de Futebol.

A edição de 2020 do Super Bowl sucede o ano em que o evento teve a audiência média mais baixa desde 2008 nos Estados Unidos. A vitória do New England Patriots sobre o Los Angeles Rams, em 2019, com show do Maroon 5 no intervalo, teve uma média de 98,2 milhões de telespectadores na CBS, segundo a empresa de informações e dados Nielsen Media Research.

Em 2018, a audiência havia sido de 103,4 milhões de pessoas. Ainda assim, o número de espectadores da edição de 2019 representa 44,9% das residências norte-americanas. O recorde do Super Bowl, no entanto, foi em 2015, quando foi assistido por uma média de 114,4 milhões de pessoas na NBC –atualmente a exibição do evento é feita pela Fox nos Estados Unidos– e teve show de Katy Perry.

Ansiosa pela apresentação de domingo, Shakira já revelou qual a mensagem que quer passar com seu show: “Ouça, eu sou uma mulher. Eu sou latina. Não foi fácil para mim chegar onde estou. E estar no Super Bowl é a prova de que tudo é possível”, disse a cantora, em entrevista à CBS. 

“Adoro que o Super Bowl tenha duas mulheres se apresentando este ano, que duas latinas se apresentem”, confirmou J-Lo, em uma entrevista que foi ao ar em setembro de 2019. “Este é um marcador de um novo tempo, não apenas para a NFL, mas para o país.”

A suposta setlist do show, que tem circulado nos últimos dias por conta dos vídeos de ensaio que vazaram, conta com sete músicas: “She Wolf”, “Empire”, “Whenever Wherever”, “Hips Don’t Lie”, “Ojos Así”, “Chantaje” e “Waka Waka”.

Além da apresentação da dupla,  Demi Lovato apresentará o hino nacional no campo do jogo.

DEZ SHOWS MARCANTES DO SUPER BOWL:
1 –  » Read More

close

Log In

Or with username:

Forgot password?

Don't have an account? Register

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Login