Com 33°C e sensação térmica de mais, os adultos fogem do sol. As 339 crianças correm de um lado para o outro em cinco campos organizados pela MLB (Major League Baseball, o campeonato de beisebol profissional dos EUA) nas cercanias de Atibaia (70 km de São Paulo).

No meio delas está André Rienzo, 31, o primeiro arremessador brasileiro a começar uma partida da liga.

A estreia dele na MLB em 2013 foi um momento histórico para o esporte no Brasil. Não sofreu rebatidas pelo Chicago White Sox até o 5º inning (cada partida tem nove), e o primeiro rebatedor a superá-lo foi Yan Gomes, do Cleveland Indians, também brasileiro.

Na primeira vez que dois jogadores do país se enfrentaram, a partida foi transmitida para a América do Sul pela ESPN.

Nascido em Atibaia, Rienzo é também uma espécie de embaixador da MLB no Brasil porque a cidade, junto com Marília, Arujá, Bastos e Ibiúna (todas no interior de São Paulo) são os principais alvos da parceria da liga americana com a CBBS (Confederação Brasileira de Beisebol e Softbol) para formar novos jogadores.

Em meados de fevereiro, antes portanto de a pandemia de coronavírus impedir o cenário descrito acima, o arremessador orientava as crianças no Playball, evento criado para ensiná-las os fundamentos do esporte de forma lúdica.

“Isso é novo e diferente para mim. Ver tantos meninos e meninas praticando beisebol… Quando comecei, acompanhava meus dois irmãos mais velhos que jogavam. Eles desistiram e eu prossegui”, conta.

O brasileiro permaneceu por três anos na MLB. Passou por White Sox, Miami Marlins e San Diego Padres. Em 2018, transferiu-se para a Liga Mexicana, quando foi o arremessador de menor ERA naquele ano pelo Acereros de Monclova.

ERA é a estatística para medir a eficiência do jogador dessa posição. Divide a quantidade de corridas (pontos) sofridas pelos nove innings de cada partida.

Neste ano, ele continua no México e vai atuar pelo Tecolotes de los Dos Laredos, o que ​poderia ser uma porta de entrada para voltar à MLB. Mas retornar aos EUA, ao contrário do que seria normal pensar, não faz parte dos planos de Rienzo.

“Não tenho mais como objetivo jogar lá. Fazer todo o caminho do Triple A até chegar à MLB, esperar pela chance… Não quero mais”, diz.

Na pirâmide do beisebol americano, cada equipe da liga profissional possui outras três em divisões consideradas formadoras. A última delas é a Triple A, a que se refere Rienzo. Exige sacrifício dos atletas porque o salário médio é de US$ 400 (R$ 1.700) por mês.

Quando esperava ser chamado pelo White Sox e era mais jovem, o brasileiro não viu problema. Morava com outras cinco pessoas, gastava US$ 200 (R$ 860) com aluguel e usava o resto para comer.

“Hoje eu tenho famíli

 » Read More

No Comments
Comments to: Ícone do beisebol brasileiro, Rienzo rejeita volta à liga americana

Trending Stories

Scope of Fashion Industry Fashion has consistently been recognised to push the limits. With new ideas and trends, fashion has a focus on the future. The fashion industry will see enormous innovation in the upcoming years as modern technology, and changing customer demands and trends will transform the industry. With such stimulation and competition, the […]
close

Log In

Or with username:

Forgot password?

Don't have an account? Register

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Login