Assisti, pelo SporTV, à vitória do Cruzeiro sobre o Flamengo, por 3 a 1, no Mineirão, a do título da Copa do Brasil de 2003. O Cruzeiro, dirigido por Luxemburgo, tinha um timaço e foi também campeão estadual e do Brasileiro.

Alex jogava demais, um dos craques brasileiros que não atuaram em uma Copa do Mundo. Era minimalista, de poucos gestos e movimentos. Talento é tornar simples o que é complexo.

O Cruzeiro, como era frequente nas equipes brasileiras, jogava com um trio de volantes e com Alex entre os três e os dois atacantes (4-3-1-2). Não havia meias abertos. O avanço era feito pelos laterais. Os europeus, desde aquela época, na maioria das vezes, atuam com um trio no meio-campo, um centroavante e dois jogadores pelos lados, que marcam e atacam.

Como os setores são muito próximos, não existe o clássico meia de ligação. São os dois meio-campistas que avançam, um de cada lado do volante centralizado. Além disso, os dois jogadores pelos lados também entram pelo centro para armar as jogadas.

No Brasil, por causa dos enormes espaços entre os setores, continua a dependência de um clássico meia de ligação. Se for um Alex, ótimo. Esses meias são cada vez mais bem marcados.

Quando Luxemburgo foi dirigir o Real Madrid, armou um sistema tático como o do Cruzeiro, com Zidane na função de meia de ligação. Os espanhóis criticaram muito o técnico, por não ter jogadores pelos lados, uma característica do futebol europeu.

Luxemburgo teve uma boa média de aproveitamento no Real Madrid. A causa principal de sua demissão foi a derrota para a Juventus, pela Liga dos Campeões. O jogo estava empatado em 0 a 0, o que dava a classificação ao Real, e Luxemburgo tirou Ronaldo Fenômeno e Zidane, dois craques. Queria ser mais sábio que a sabedoria.

A Juventus, sem se preocupar com os dois, foi para frente e ganhou por 2 a 0, eliminando o Real.
No domingo, a TV Globo mostrou a magistral

 » Read More

No Comments
Comments to: Os tempos atuais nos trazem lembranças de Alex e de Aldir Blanc

Trending Stories

Scope of Fashion Industry Fashion has consistently been recognised to push the limits. With new ideas and trends, fashion has a focus on the future. The fashion industry will see enormous innovation in the upcoming years as modern technology, and changing customer demands and trends will transform the industry. With such stimulation and competition, the […]
close

Log In

Or with username:

Forgot password?

Don't have an account? Register

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

Login